? ºC Teresina - PI

Política

11/12/2017 06:47

Por lapso do cartório Justiça eleitoral deixa de apurar denúncias contra candidatos a prefeito de Castelo

A Justiça Eleitoral da cidade de Castelo do Piauí deixou de apurar pelo menos três denúncias contras candidatos a prefeitos na eleição do ano passado. As irregularidades foram apontadas por eleitores através de aplicativo da justiça. Um erro do Cartório da 34ª Zona Eleitoral perdeu o prazo e não concluiu os autos dos processos. 

Juiz Leonardo Brasileiro

“Por um lapso, o Cartório Eleitoral não fez conclusos os presentes autos para apreciação do pedido inicial, de forma que os mesmos permaneceram em cartório e só foi conclusos no mês de dezembro do corrente ano”, alegou o juiz eleitoral Leonardo Brasileiro ao arquivar as denúncias. 

“Havendo, pois, comprovação de que as eleições municipais já foram realizadas, o presente feito esvaziou-se, pois não há mais fato a ser apurado, nem consequência a ser imposta”, concluiu. 

As denúncias 

As acusações dos eleitores atingiam a coligação “Vencer com o novo para trabalhar pelo povo”, encabeçada pelo candidato Marcello Vidal Martins. Segundo a denúncia, os cartazes da campanha ultrapassavam o tamanho permitido pela justiça. Outra acusação afirmava que o candidato teria distribuído copos com o número de seu partido.  

Havia denúncia também contra José Magno Soares da Silva, candidato a prefeito pela coligação “A mudança que o povo quer”. Eleitores, através do aplicativo Pardal, disseram que Magno Soares teria distribuído camisas durante a campanha. 
 


Professor anderson logo png
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo