? ºC Teresina - PI

Estado

13/05/2017 01:16

Emater inicia cadastro de mulheres rurais para o programa Semeando Cidadania

O Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Piauí (Emater) iniciou, nesta semana, o processo para cadastro das mulheres rurais que irão participar do Projeto Semeando Cidadania. Esta ação trata da parceria entre Governo do Estado e Incra e visa a concessão de crédito a mulheres rurais por meio do Fomento Mulher. Estão sendo visitadas agricultoras dos municípios de Teresina, Demerval Lobão, Curralinhos, União, Palmeirais, Amarante, Nazária e Cabeceiras. Os municípios de Angical, Castelo do Piauí e Floriano, foram adicionados recentemente ao projeto, e aguardam a fase de apresentação.

Os técnicos do Emater estão em campo realizando o cadastro por meio de um diagnóstico participativo das famílias aptas a participarem do Fomento Mulher.  O coordenador Antônio Gerônimo destaca que é pré-requisito que as famílias tenham um documento que comprove que elas residem em um assentamento reconhecido pelo Incra, e que tenham interesse em aplicar o recurso no projeto produtivo.

“O projeto pode ser realizado em qualquer área, desde que seja executado dentro do assentamento, podendo ser agrícola ou não, como por exemplo, fabricação de bolos, roupas ou algum processamento feito no assentamento”, explicou o coordenador.

Ele acrescenta que este programa é pioneiro para o país, e já está servindo de modelo para todo o território nacional.

Serão beneficiadas mais de mil e oitocentas mulheres, que receberão até R$ 3.000,00 com projetos individuais, ou poderão formar grupos para fazerem um projeto com recurso maior.

Para que seja concedido o recurso, em primeiro lugar os técnicos apresentam o projeto para as entidades parceiras nos municípios, em seguida realizam o cadastro. Após esta etapa, os extensionistas elaboram a proposta técnica com base na atividade que elas executam, e nas informações levantadas nos diagnósticos. Logo, o projeto é encaminhado para o Incra para a aprovação, e por consequência os recursos serem liberados na conta, por meio de um cartão específico.

O diretor-geral do Emater, Marcos Vinicius, ressalta a importância dessa parceria para a geração de renda, principalmente no que diz respeito a promover o empoderamento da mulher rural.  “Entre outras coisas, visa oportunizar as famílias de mais de 10 municípios do Piauí, um fomento, onde elas irão trabalhar a parte produtiva, naquilo que ela tem como especialidade. O Emater tem como compromisso oportunizar a assistência técnica e extensão  para  elas, garantindo a geração de renda. O Governo do Estado quer com isso gerar renda, para que elas possam no fim do mês ter um valor condizente para o seu sustento”, disse Marcos Vinicius.

Autoria: Emanuel Ramos

Professor anderson logo png
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo