? ºC Teresina - PI

CDP Esporte

12/02/2017 10:57

UFC 208: Anderson Silva vence Brunson, encerra jejum e se emociona

Acabou o jejum! Sem vencer oficialmente desde agosto de 2012, Anderson Silva voltou a vencer ao derrotar Derek Brunson na segunda luta mais importante do UFC 208, realizado na madrugada deste sábado (11), no Brooklyn (EUA), e voltou a sentir o sabor da vitória após cinco lutas.

Com uma postura cautelosa, o ex-campeão dos médios levou a melhor na decisão unânime dos juízes (29×28 29×28, 30×27) e voltou a ter motivos para comemorar no octógono.

“Antes de mais nada, obrigado a todos por estar aqui. Obrigado pelo apoio. Estou muito feliz. Obrigado! Venho trabalhando duro há muito tempo para lutar aqui. Coloco sempre meu coração, às vezes tenho uma dor nas pernas, nas costas, às vezes procuro minha família e digo que vou treinar por três ou quatro meses, e agora quando venho para uma luta venho para proporcionar isso a todos e dar o meu melhor. 

Desculpem, sei que estou muito velho para lutar, que os novos caras são muito fortes, muito rápidos, mas boto meu coração porque a luta é a minha vida”, declarou Anderson Silva.

Os dois começaram se estudando no centro do octógono, demonstrando muito respeito um ao outro. Após um minuto sem um golpe sequer, Brunson tomou a inciativa e soltou um chute baixo, sem maiores consequências. No meio do round, Anderson esboçou reação e ensaio uma combinação, sem efetividade. 

A luta foi para o clinche e os dois dispararam golpes duros, mas o brasileiro saiu da posição. No minuto final, Anderson começou a “caçar” o adversário, mas foi surpreendido por um upper do americano, que levou a lua para chão.

O segundo round começou com o brasileiro tomando a iniciativa, sem se arriscar. Silva passou a rodar no octógono, na tentativa de confundir o adversário, que respondeu com uma queda, mas Anderson bateu e levantou. 

No clinche, Brunson pressionava o brasileiro, que tentava responder com cotoveladas. O confronto voltou para o meio do octógono, e ai começou as tradicionais provocações: Anderson ensaiou golpes de capoeira, na tentativa de desestabilizar o opoente.

Anderson voltou para o último round mais ativo, buscando o combate. Brunson tentou a queda duas vezes, bem defendidas pelo brasileiro. Confiante, “Spider” passou a golpear mais, porém era contragolpeado na mesma medita.

Faltando menos de dois minutos para o fim, Brunson aplicou uma queda no brasileiro, que fechou a guarda, mas não esboçava reação, cenário que prosseguiu até o final do round.

Resultados do UFC 208

Anderson Silva derrotou Derek Brunson por decisão unânime dos juízes (29×28 29×28, 30×27)

Ronaldo Jacaré derrotou Tim Boestch por finalização (kimura) aos 3m41 s do R1

Glover Teixeira derrotou Jared Cannonier por decisão unânime dos juízes (30×26, 30×26, 30×26)

Dustin Poirier derrotou Jim Miller decisão majoritária dos juízes (28×28, 30×27, 29×28)

CARD PRELIMINAR

Belal Muhammad derrotou Randy Brown por decisão unânime dos juízes (30×27, 30×27, 29×28)

Wilson Reis derrotou Yuta Sasaki por decisão unânime dos juízes (29×28, 29×28, 29×28)

Islam Makhachev derrotou Nick Lentz por decisão unânime dos juízes (30×25, 30×25, 30×27)

Rick Glenn derrotou Phillipe Nover por decisão dividida dos juízes (29×28, 27×30, 29×28)

Ryan LaFlare derrotou Roan Jucão por decisão unânime dos juízes (30×26, 30×27, 29×28)

Fonte: Superlutas


Professor anderson logo png
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo