? ºC Teresina - PI

CDP Esporte

12/05/2014 07:36

Vitória nos pênaltis sobre o Real Madri dá sobrevida ao River Playt na Copa Mangueira

O inicio da partida foi eletrizante, precisando vencer para seguir vivo no certame, o tricolorentrou com postura ofensiva e pressionando com muita volúpia. Já a representação veredense mais cautelosa esperava o adversário.
Imagem: Augusto Júnior                                                            (Imagem:Augusto Júnior)
De acordo com o andamento do jogo as chances iam aparecendo para ambos os times. O River arriscava em chutes de longa distancia, principalmente com Gerlan. O Real tentava jogar nos erros do adversário e era muito perigoso nos contra-ataques. Após os 20 minutos, aconteceram uma sequencia de boas jogadas e oportunidades criadas pelo time de Zé Carlos, Elder, Alexsandro, Eduardo santa helena e Leandro atormentavam a todo o momento o sistema defensivo riverino, desta vez o goleiro Neto estava seguro e mostrava tranquilidade nas saídas do gol.
Imagem: Augusto Júnior                                                                 (Imagem:Augusto Júnior)
Depois de uma verdadeira blitz do Real e de mais uma boa chance desperdiçada por Elder que fez tudo certo, recebeu, driblou um marcador e o goleiro Neto, o atacante finalizou forte,Solano bem posicionado tirou a bola de cima da linha. Melhor em campo o Real abusou do quesito perder gol, terminando o primeiro tempo 0 x 0.

No segundo tempo Osvaldo Ribeiro fez algumas modificações na equipe que surtiram efeito, o time voltou mais aguerrido, com mais presença de área e poder ofensivo, o time subiu de produção na hora certa. Aos 7, Bruno Mourão fez 1 x 0 completando cruzamento da esquerda, o atacante chutou sem chances de defesa para Ivon.

O Real Madri teve um inicio de segundo tempo muito ruim e de longe era o time perigoso da primeiro. Foram alguns minutos de apagão até voltar a equilibrar novamente. A reação começou depois da entrada de Fagones que se entendia bem com seus companheiros de ataque, principalmente com Elder e Alexsandro. Aos 23, foi assinalado um pênalti pelo arbitro Gilson Carlos, marcação acertada, diga-se de passagem, após entrada com força excessiva de zXandão em Alexsandro, o centroavante bateu e converteu empatando.

Com o gol o Real cresceu e as oportunidades voltaram a aparecer, em uma delas depois de bela jogada feita por Alexsandro, Fagones e Elder que acertou o travessão de Neto aos 40. O final foi muito disputado e equilibrado, mas o empate em 1 x 1 foi o placar.

Como rege o regulamente, cada time marca 1 ponto, mas para dar mais emoção aos jogos, a decisão vai para para as cobranças de penalidades mesmo na primeira fase. Na disputa o goleiro se redimiu com a torcida defendendo uma cobrança e o River foi o vencedor, marcando seu segundo ponto e mantendo vivo o sonho da classificação para a semifinal.

Mais Fotos
Imagem: Augusto Júnior                                                             (Imagem:Augusto Júnior)
Imagem: Augusto Júnior                                                                (Imagem:Augusto Júnior)
Imagem: Augusto JúniorReal Madri(Imagem:Augusto Júnior)Real Madri
Imagem: Augusto JúniorRiver Playt(Imagem:Augusto Júnior)River Playt
Imagem: Augusto JúniorTrio de arbitragem(Imagem:Augusto Júnior)Trio de arbitragem
Texto: Augusto Júnior Vasconcelos, comentarista da MarvãoFM




Professor anderson logo png
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo